• Kelly Possebon

Investidor Global - 8/7/20

Tecnologia lidera Wall Street mais uma vez



A cena desta quarta-feira foi familiar: um dia de negociações agitadas que viram o Nasdaq, carregado pelo setor de tecnologia, ultrapassar novamente os outros índices principais.


Os EUA registraram outro pico recorde de casos de coronavírus ontem, o que parecia pesar na maior parte dos mercados no início desta quarta. Mas as ações se firmaram à tarde, lideradas por sólidos ganhos das ‘Big Tech’s.


Já os investidores de renda receberam dados desanimadores sobre dividendos. Howard Silverblatt, analista sênior do S&P Dow Jones Indices, relatou que durante o segundo trimestre, o mercado acionário americano registrou um declínio líquido de US$ 42,5 bilhões em pagamentos de dividendos – o pior número desde a queda de US$ 43,8 bilhões que ocorreu no primeiro trimestre de 2009 (Subprime).


Resumão:


Os principais setores hoje foram empresas de serviços públicos, consumidor discricionário e tecnologia. Os construtores de residências impulsionaram o setor discricionário depois que Taylor Morrison (TMHC) disse que registrou vendas recorde em junho. A Apple (AAPL) liderou as Tech’s avançando 2,3%, após uma nota positiva do Deutsche Bank, que indica compra, apesar da recente subida, o analista do Deutsche elevou sua meta de preço para US $ 400 por ação. Microsoft (MSFT + 2,2%) e Amazon.com (AMZN + 2,7%) estavam entre os outros vencedores notáveis ​​da quarta-feira.


O Nasdaq disparou 1,44% para 10.492, fechando mais uma vez nas máximas de todos os tempos. O Dow, enquanto isso, ganhou 0,69%, e foi para 26.067. O S&P 500 + 0,79%, e o Russell 2000 + 0,81%.


Os setores com pior desempenho foram materiais, industriais e produtos básicos para o consumidor. As companhias aéreas voltaram a pesar depois que a United Airlines (UAL) anunciou que pode cortar metade de sua equipe este ano, por causa do coronavírus.

No S&P 500, seis dos 11 setores terminaram em alta.


Os setores líderes foram Tecnologia + 1,60%, Consumo Discricionário + 1,54% e Finanças + 1,07%.


Os retardatários foram Materiais -1,46%, Consumidor básico -0,21% e Imobiliário -0,16%.


Petróleo + 0,64% ganho, pois os dados da EIA mostraram um consumo maior do que o esperado nos estoques de gasolina, implicando forte demanda futura de petróleo.


O ouro + 0,46% subiu acima de US $ 1.800 – pela primeira vez desde 2012.


Bitcoin + 2,42%.

Amanhã estaremos atentos aos pedidos de seguro desemprego semanal e lançamento dos dados corporativos da linha de crédito do mercado secundário do Fed.

Tenham uma ótima noite!


Mulher Capital

0 comentário

CONTATO:

Pro Capital Gestão e Produções Ltda.

CNPJ: 29.209.241/0001-27

Whatsapp Business: 11 3368 8445

 © 2019 Mulher Capital Ⓡ

Todos os direitos reservados.